COMUNICADO SOFTEX 12/2013 (publicado em 26 de março de 2013) Apoio a Empresas para Avaliação MoProSoft nos níveis 1 e 2 I.    ANTECEDENTES 1.1.    O projeto RELAIS – Rede Latino-Americana da Indústria de Software (ATN/ME 11882 RG) é cofinanciado pelo  BID/FUMIN e pela Câmara de Comércio de Lima do Peru, SOFTEX do Brasil, ESI Center Sinertic Andino da Colômbia e CANACINTRA do México,  tendo como objetivo a melhoria dos processos de software através dos modelos MPS e MoProSoft, e da expansão dos negócios entre as pequenas e médias empresas (PME) de software da América Latina e Caribe (ALC), centralizando-se numa primeira etapa na difusão tanto do modelo MPS, do Brasil, no México, Colômbia e Peru quanto o modelo MoProSoft, do México, no Brasil, Colômbia e Peru. 1.2.    O Projeto RELAIS, prevê, no mínimo, as seguintes implementações e avaliações em empresas de software até Dezembro de 2013: imagem 1.3.    Anteriormente, no marco do Projeto RELAIS, a SOFTEX publicou o COMUNICADO 22/2012 – Apoio a Grupos de Empresas para implementação e avaliação MoProSoft nos níveis 1 e 2, a 10 micro, pequenas e médias empresas (MPE) no Brasil, com as condições para apoio financeiro com recursos do BID/FUMIN a projetos submetidos por IOGE – Instituições Organizadoras de Empresas, que já foi atendido (recursos esgotados) pela IOGE ASR (4 empresas) e IOGE SENAI Londrina (6 empresas) com projetos em marcha no ano de 2013. 1.4.    Por meio do presente documento, no âmbito do Projeto RELAIS, a SOFTEX comunica as condições de apoio financeiro com recursos do BID/FUMIN exclusivamente para avaliação MoProSoft nos níveis 1 e 2, em outras 10 empresas (de qualquer porte) no Brasil, excepcionalmente, mediante ‘Manifestação de Interesse’ da empresa interessada à SOFTEX até 30 de Maio de 2013. 1.4.1.    Estas outras 10 empresas devem dispor de avaliação MPS no mínimo de nível F ou CMMI no mínimo de nível 2, publicadas, com data de validade vigente por ocasião da avaliação MoProSoft. 1.5.    A Instituição Avaliadora MoProSoft será a CERTVER do México <http://www.certver.com/> (pessoa para contato: Eduardo Zozaya, email direccion@certver.com). 1.5.1.1.    A empresa beneficiária será responsável pela contratação da Certificadora MoProSoft tanto para ‘gap analysis’ quanto para a avaliação MoProSoft no Brasil. 1.6.    Além disto, 5 empresas em cada um dos 4 países participantes, que primeiro tenham concluído exitosamente a avaliação MPS ou MoProSoft e obtenham a certificação num dos modelos, adicionalmente poderão obter a certificação ITMARK Internacional sem custo para as empresas, pois este custo será assumido pelo projeto RELAIS. II.    CRITÉRIOS DE SELEÇÃO DAS EMPRESAS BENEFICIÁRIAS 2.1    As empresas beneficiárias deverão: 2.1.1    Dispor de avaliação MPS no mínimo de nível F ou CMMI no mínimo de nível 2, publicadas, com data de validade vigente por ocasião da avaliação MoProSoft. 2.1.2    Estar legalmente constituídas e apresentar a documentação que comprovem tal formalidade. 2.1.3    Ser constituídas, no mínimo, por 5 (cinco) colaboradores (equipe e consultores). 2.1.4    Demonstrar ter em curso 2 (dois) projetos iniciados ou em desenvolvimento. 2.1.5    Enviar seu nome, registro tributário (CNPJ), logotipo e o sitio Web. III.    FINANCIAMENTO 3.1    O Projeto RELAIS fornecerá uma ajuda financeira de R$ 4.500,00 (quatro mil e quinhentos reais), a serem aportados na SOFTEX pelo BID/FOMIN, equivalentes a 50% dos recursos necessários para avaliação MoProSoft em cada empresa no Brasil. 3.1.1    Como contrapartida a empresa beneficiária assumirá os outros 50% e, caso necessário, também os gastos de viagem e hospedagem dos avaliadores/certificadores MoProSoft. 3.1.2    A SOFTEX se reserva o direito de cancelar ou suspender este edital caso o apoio do BID/FUMIN não se concretize. IV.    PRAZOS DE EXECUÇÃO 4.1    De acordo com o documento POA – Plano Operativo Anual, do Projeto RELAIS, o cronograma de execução desta atividade é o seguinte: 4.1.1    Até 30 de Maio de 2013 4.1.1.1    Manifestação de Interesse da empresa interessada à SOFTEX. 4.1.2    Até 15 de Dezembro de 2013 4.1.2.1    Declaração da empresa beneficiada à SOFTEX de que está pronta para a avaliação MoProSoft. 4.1.2.2    Contratação da Certificadora CERTVER, do México, tanto para ‘gap analysis’ quanto para avaliação MoProSoft na empresa beneficiada. 4.1.2.3    Realização tanto do ‘gap analysis’ quanto da avaliação MoProSoft na empresa beneficiada pela Certificadora CERTVER, do México, 4.1.2.4    Publicação do resultado da avaliação MoProSoft  pela Certificadora CERTVER, do México. 4.2    O prazo começa a contar desde a data da assinatura de um Termo de Cooperação Técnica da empresa beneficiada com a SOFTEX. V.    DESEMBOLSOS 5.1.    O cronograma de desembolsos para cada empresa beneficiada será o seguinte: a.    40% (quarenta por cento) na assinatura do Termo de Cooperação Técnica; b.    60% (sessenta por cento), depois da publicação dos resultados da avaliação MoProSoft pela Certificadora CERTVER, do México. VI.    COMITÊ DE AVALIAÇÃO E ADJUDICAÇÃO 6.1.    Para efeitos de avaliar as ‘Manifestações de Interesse’ será integrado um Comitê de Avaliação e Adjudicação, composto pelo Gerente de Qualidade da SOFTEX, Coordenador Executivo do Programa MPS.BR e por um representante da área Administrativa/Financeira da SOFTEX. 6.2.    A ‘Manifestação de Interesse’ deve ser enviada à SOFTEX por um representante legal da empresa, em envelope etiquetado como “BID/FUMIN RELAIS – Apoio a Empresas para Avaliação MoProSoft nos níveis 1 e 2”. 6.2.1.    Esta ‘Manifestação de Interesse’ deverá ser enviada, por meio eletrônico e postada nos Correios até 30 de Maio de 2013, para: Destinatário: Nelson Franco < nelson@nac.softex.br > – Gerente de Qualidade da SOFTEX Endereço: Sociedade SOFTEX Rua Irmã Serafina, 863, 6º andar – Centro CEP: 13015-914 – Campinas – SP

NOVO MAPA DE CAPACITAÇÃO MPS A Softex, coordenadora do Programa MPS.BR, comunica os novos procedimentos para a capacitação de Implementadores e Avaliadores MR-MPS-SW e MR-MPS-SV e Consultores de Aquisição MR-MPS-SW:

COMUNICADO SOFTEX MPS 14/2013

Curso de Introdução ao MR-MPS-SW (Software) (C1-MR-MPS-SW)


Salvador/BA – 02 e 03 de julho de 2013 (3ª e 4ª), no âmbito do XII Simpósio Brasileiro de Qualidade de Software
(SBQS 2013)

A SOFTEX, coordenadora do MPS.BR, comunica as condições para inscrição no Curso de Introdução ao MPS.BR (C1-MPS.BR), em Salvador/BA.

Data: 02 e 03 de julho de 2013 (3ª e 4ª)

Horário: 08h00 às 18h00 (16 horas)

Local: no âmbito do SBQS 2013 – Bahia Othon Palace Hotel
Av. Oceânica, 2294 – Ondina

Instrutor: Mariano Angel Montoni

Doutor em Engenharia de Sistemas e Computação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2010), Mestre em Engenharia de Sistemas e Computação pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2003) e graduado em Ciência da Computação pela Universidade Federal da Bahia (2000). Possui vasta experiência em melhoria de processos, gerência de projetos, gerência de recursos humanos e coordenação de equipes de consultoria, tendo participado na concepção/ desenvolvimento de um framework na linguagem .Net. É implementador credenciado do modelo MPS.BR desde Agosto/2004, com experiência na implantação dos níveis G a C deste modelo em diversas organizações brasileiras. Como avaliador líder do modelo MPS.BR, possui experiência na avaliação de organizações em diversos níveis de maturidade. Também possui experiência na implantação e avaliação dos níveis de maturidade 2 e 3 do modelo CMMI. É instrutor credenciado dos cursos de capacitação do modelo MPS.BR.

Objetivos:

• Apresentar uma introdução ao programa MPS.BR, com foco no Modelo de Referência MR-MPS que está em conformidade com as Normas Internacionais ISO/IEC 12207 e ISO/IEC 15504, e é compatível com o CMMI-DEV.
• Apresentar o Método de Avaliação MA-MPS que está em conformidade com a ISO/IEC 15504-2.
• Mostrar os passos para um profissional ser qualificado como Implementador e/ou Avaliador MPS.

Público Alvo: Profissionais interessados na melhoria de processos de software, com base no Modelo de Referência MR-MPS e no Método de Avaliação MA-MPS.

Pré-requisito: Não há pré-requisito para inscrição neste curso. Mas, este curso é pré-requisito para:

• participação como representante da empresa na equipe de avaliação oficial MPS;
• inscrições futuras em Provas de Introdução ao MPS.BR (P1-MPS.BR), Cursos de Implementação MPS (C2-MPS.BR), Prova de Implementação MPS (P2-MPS.BR), Cursos de Avaliação MPS (C3-MPS.BR) e Prova de Avaliação MPS (P3-MPS.BR).

– Investimento: R$ 800,00 (oitocentos reais) – INSCREVA-SE AQUI!

– O curso será realizado com um mínimo de quinze (15) e um máximo de quarenta (40) inscrições efetivamente pagas e comprovadas até o dia 18 de junho de 2013.

Bônus 2013: Os participantes do curso serão cadastrados na Comunidade de Prática do MPS (CoP/MPS).

Regras do Comunicado:

Confirmação da Inscrição: A inscrição será considerada confirmada mediante pagamento do boleto bancário, ou caso negociada a forma de pagamento com a (o) responsável pelos cursos.

Desistência: Em caso de cancelamento de inscrição (após pagamento) não haverá reembolso, somente substituição de participante(s) ou concessão de crédito para futuros eventos. No entanto, para que ocorram tais substituições, ou créditos, solicitamos que nos envie um e-mail com antecedência de 5 dias da data do evento.

Crédito: O crédito terá validade para 1 (um) ano (a partir da data da ocorrência), após este período o crédito perde a validade.

Substituição de inscritos: Mediante comunicação por e-mail do participante ou da empresa até cinco dias antes do evento.

Cancelamento do evento: Apesar de remoto, o evento poderá ter sua data de realização e/ou local alterados em função do “quórum”. Caso isso venha a ocorrer, e considerando que as alterações não lhe sejam convenientes, você poderá optar pelo “reembolso integral do valor investido” ou um crédito para outro evento.

Certificado: O certificado de participação no curso será providenciado após confirmarmos o pagamento do evento, a assinatura na lista de presença (com freqüência mínima de 75%) e recebermos as avaliações individuais do referido curso.

Não emissão de notas fiscais: a Softex não emite notas fiscais. O Curso em questão, com recibo enviado, não deve ter retenção na fonte de tributos, conforme lei federal complementar 116/03, artigo 3º, inciso I a XXII. Para ler a declaração completa favor clique no link a seguir: Declaração.

Recomendações:

– Recomenda-se que os inscritos levem o Guia Geral do MPS.BR impresso. O documento está disponível no site do MPS.BR na seção Guias.

Direitos Autorais:

Este curso não poderá ser gravado, filmado, ou ter seus materiais reproduzidos sem autorização expressa da Sociedade SOFTEX, que é detentora de todos os direitos autorais.

Contato:

SOCIEDADE SOFTEX
Cleide Gonçalves
mpsbr@nac.softex.br
Tel.: (19) 3731-7047

Hospedagens e viagens: Informações, reservas, viagens e pagamento de hospedagem nos hotéis, devem ser feitos diretamente pelos participantes. Segue o link do site do SBQS 2013:
http://sbqs.dcc.ufba.br/view/hospedagem.php