Iniciativa apresenta soluções que atendem diversas necessidades geradas pela mobilização da sociedade no combate ao coronavírus

 

Dezenas de startups integrantes dos programas operados pela Softex, e também pertencentes ao ecossistema de inovação, estão desenvolvendo soluções que atendem diversas das demandas da sociedade nesse momento de união no combate à expansão do COVID-19.  A partir desta constatação, a entidade decidiu reunir essas iniciativas através da #EstamosJuntos, permitindo um acesso rápido dos interessados a todo um universo de soluções.

Uma delas é a plataforma de Healtcare desenvolvida pela Tyaro. Seu diretor, Paulo Sérgio Rangel Garcia, explica que ela combina diversas tecnologias de baixo custo “e permite que pacientes, cuidadores, médicos e familiares compartilhem todos os dados relevantes como frequência e dosagem dos medicamentos e históricos, incluindo exames tradicionais e de imagem”.

Segundo Paulo Rangel, a solução permite que todos os interessados “possam estar na mesma página em relação a qualquer uma das fases do tratamento, reduzindo a exposição aos riscos de contágio dos idosos e/ou pessoas com imunidade reduzida, além de diminuir os deslocamentos até hospitais e consultórios, através de teleconsulta”.

A Tyaro é Integrante do Conecta Startup Brasil da Softex e, segundo Paulo Rangel , o programa “tem grande importância não só ao viabilizar o acesso a recursos, uma vez que o desenvolvimento de uma solução exige mão de obra qualificada, mas também ao dar uma validação à nossa ideia, que passou a ser vista sob a perspectiva de um negócio com potencial de retorno financeiro”.

Participante do Projeto Setorial Brasil IT+, desenvolvido pela Softex e pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), , a paranaense Chkout.me desenvolveu um aplicativo de carteira digital que permite realizar pagamentos com QR Code em estabelecimentos físicos e lojas virtuais, através do saldo disponível na conta digital ou por meio de cartão de crédito.

Seu CEO, Daniel Rigotti, lembra que a Chkout participou de diversas iniciativas da Softex, desde o planejamento inicial até o go to market, e que a empresa vem crescendo de forma sólida nos seus dois anos de presença no mercado. “O atual cenário representa uma oportunidade adicional ao favorecer o pagamento sem contato físico”, analisa Daniel.

Um número expressivo de segmentos está contemplado na Campanha #EstamosJuntos: Logística e Rastreabilidade (Amachains, LotsApp, Zumpy); Educação online (AulaLivre, EiTV); E-commerce, Varejo, Negociação e Fidelização (BigBang, Conatus, ShowKase); Pagamento Digital, Doações (Chkout.me, Risu); Home Office,  Comunicação e Treinamento Remoto (Citrus Squade, Immail, Inevent, Leadfind, Virti); Medicina à Distância (Doctor Konnect, Fjsoft, Medbloc, Receita  Digital, Rfid Brasil, Salutho, S3ND, Tail Technology, Techpain, Tyaro HealthCare); e Serviços de Limpeza e Higienização (Dona Rita, Sli Technology).

 

Saiba mais em https://softex.br/estamosjuntos/

No ano passado, o volume de negócios gerado pelas empresas aderidas representou 41% do total exportado pelo setor

 

A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) e a Softex anunciam a renovação para o biênio 2020-2022 do convênio do Projeto Setorial Brasil IT+, o maior e mais abrangente plano de internacionalização competitiva de empresas desenvolvedoras de software e prestadoras de serviços de TI já realizado no país.

Iniciado em 2005, ele tem por objetivos gerar novas oportunidades de negócios no mercado internacional para as companhias brasileiras participantes, ampliar o volume de exportações, aumentar a exposição da indústria brasileira de TI e fortalecer a imagem do Brasil como um centro mundial de excelência no setor.

O diretor de Negócios da Apex-Brasil, Augusto Pestana, destaca que o Brasil IT+, projeto feito em parceria com a Softex, está há 15 anos apoiando os negócios internacionais das empresas brasileiras do setor de TI. “A Agência entende este setor como extremamente importante para colocar o Brasil na era da transformação digital e com empresas que muitas vezes já nascem prontas ou rapidamente transformam suas soluções para o mercado internacional. Avaliamos criteriosamente os resultados anteriores e o potencial de negócios do setor e renovamos nosso plano de trabalho para os próximos dois anos”, reforça Pestana.

 

Em 2018, as 165 empresas integrantes do Projeto Setorial Brasil IT+, colaboraram com a expressiva quantia de R$ 2,5 bilhões (U$ 569 milhões) para a balança comercial do país. Esse valor representa 41% do total exportado pelo setor.

“Transformar as companhias nacionais de TI em players globais é um dos projetos mais importantes conduzidos pela entidade. Nesse novo ciclo, as empresas aderidas terão a oportunidade de participar de ações estratégicas de apoio à internacionalização. Serão oferecidas ações estruturantes focadas em capacitação e inteligência comercial, além do suporte para a presença em eventos internacionais com foco em prospecção e negócios em países como Estados Unidos, Canadá, Israel, Chile, França, Espanha e Portugal. Outra meta é seguir incutindo nos participantes uma mentalidade voltada para a internacionalização e não apenas para a exportação”, destaca Diônes Lima, vice-presidente da Softex.

Outros benefícios oferecidos às associadas são acesso a informações qualificadas sobre os mercados-alvo, assessoria comercial no exterior, apoio na obtenção de financiamento para exportação (pré e pós-embarque) e em questões como registro de marcas e de software, localização, instalação de subsidiárias e aspectos legais.

Ao longo dos últimos 14 anos, o Projeto Setorial Brasil IT+ já envolveu mais de 600 companhias interessadas em expandir sua atuação para além das fronteiras nacionais e, nesse período, o número de empresas exportadoras saltou de 25 para mais de 280.

São também parceiros da Softex nessa iniciativa o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e seus 21 Agentes Regionais, unidades autônomas que integram o Sistema Softex e oferecem apoio a empresas de software e serviços de TI em diversas regiões do país.

Os interessados em fazer parte do Projeto Setorial Brasil IT+ devem preencher Formulário de Adesão e, na sequência, seguir as etapas de avaliação do potencial de internacionalização e apresentação de suas demandas e estratégias de ação no exterior. Detalhes nos links https://softex.br/internacional/ps/  https://bit.ly/2T0j8R6

No dia 4 de maio será lançado pela Softex e pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações – MCTIC, o *Edital de Startups do Programa IA2 MCTIC.*

A participação deste edital possibilita que projetos de *Grupos de Pesquisa, Empresas de TI e/ou Startups* sejam acelerados em um programa com investimentos de até R$ 500 mil.

Participe do lançamento e saiba mais sobre como candidatar seu projeto!

Link de inscrição: bit.ly/EditalDeStartupsIAMCTIC 
Acesse nosso site e saiba mais: www.softex.br/iamctic 

 

 

Iniciamos nossa série de Webinars do Programa MPS.BR com o tema Escalando Agilidade com DevOps, Scrum e MPS para Software e Serviços com Analia Irigoyen, especialista em Métodos Ágeis da ProMove Soluções.

Em nossas redes sociais você encontra a programação dos próximos eventos instagram.com/softex.nacional.

Acesse o link a seguir e confira o gravação do webinar e caso tenha perguntas fale com a gente: qualidade@softex.br

 

 

 

 

Iniciativa apresenta soluções que atendem diversas necessidades geradas pela mobilização da sociedade no combate ao coronavírus

Dezenas de startups integrantes dos programas operados pela Softex, e também pertencentes ao ecossistema de inovação, estão desenvolvendo soluções que atendem diversas das demandas da sociedade nesse momento de união no combate à expansão do COVID-19.  A partir desta constatação, a entidade decidiu reunir essas iniciativas através da #EstamosJuntos, permitindo um acesso rápido dos interessados a todo um universo de soluções.

Uma delas é a plataforma de Healtcare desenvolvida pela Tyaro. Seu diretor, Paulo Sérgio Rangel Garcia, explica que ela combina diversas tecnologias de baixo custo “e permite que pacientes, cuidadores, médicos e familiares compartilhem todos os dados relevantes como frequência e dosagem dos medicamentos e históricos, incluindo exames tradicionais e de imagem”.

Segundo Paulo Rangel, a solução permite que todos os interessados “possam estar na mesma página em relação a qualquer uma das fases do tratamento, reduzindo a exposição aos riscos de contágio dos idosos e/ou pessoas com imunidade reduzida, além de diminuir os deslocamentos até hospitais e consultórios, através de teleconsulta”.

A Tyaro é Integrante do Conecta Startup Brasil da Softex e, segundo Paulo Rangel , o programa “tem grande importância não só ao viabilizar o acesso a recursos, uma vez que o desenvolvimento de uma solução exige mão de obra qualificada, mas também ao dar uma validação à nossa ideia, que passou a ser vista sob a perspectiva de um negócio com potencial de retorno financeiro”.

Participante do Projeto Setorial Brasil IT+, desenvolvido pela Softex e pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), , a paranaense Chkout.me desenvolveu um aplicativo de carteira digital que permite realizar pagamentos com QR Code em estabelecimentos físicos e lojas virtuais, através do saldo disponível na conta digital ou por meio de cartão de crédito.

Seu CEO, Daniel Rigotti, lembra que a Chkout participou de diversas iniciativas da Softex, desde o planejamento inicial até o go to market, e que a empresa vem crescendo de forma sólida nos seus dois anos de presença no mercado. “O atual cenário representa uma oportunidade adicional ao favorecer o pagamento sem contato físico”, analisa Daniel.

Um número expressivo de segmentos está contemplado na Campanha #EstamosJuntos: Logística e Rastreabilidade (Amachains, LotsApp, Zumpy); Educação online (AulaLivre, EiTV); E-commerce, Varejo, Negociação e Fidelização (BigBang, Conatus, ShowKase); Pagamento Digital, Doações (Chkout.me, Risu); Home Office,  Comunicação e Treinamento Remoto (Citrus Squade, Immail, Inevent, Leadfind, Virti); Medicina à Distância (Doctor Konnect, Fjsoft, Medbloc, Receita  Digital, Rfid Brasil, Salutho, S3ND, Tail Technology, Techpain, Tyaro HealthCare); e Serviços de Limpeza e Higienização (Dona Rita, Sli Technology).

Saiba mais em https://softex.br/estamosjuntos/

Com a mobilização da sociedade brasileira para o combate na proliferação do coronavírus, a rotina das pessoas e das empresas foi profundamente alterada.

Nesse período de adaptação à uma nova realidade, o Projeto Setorial Brasil IT+, desenvolvido pela Softex e pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil)., está dando sequência a diversas ações, na certeza de que as dificuldades atuais serão superadas pelo nosso esforço conjunto.

No programa de Assessoria Gartner, as empresas selecionadas continuam recebendo atendimento dos analistas através de vídeo chamadas.

No Programa de Internacionalização e Inovação estão sendo realizadas mentorias e treinamentos para internacionalização de startups por meio de participação em programas de corporate venture internacionais.

O Treinamento Go to Market Paraná Global Tech 2020, em parceria com o Sebrae/Londrina acontece de forma online de maio a novembro deste ano.

Para os próximos meses serão lançadas atividades no Treinamento de Valuation e Captação para o mercado internacional e no Programa SoftLanding Brasil – EUA.

“A estrutura de treinamentos à distância sempre fez parte da agenda do Brasil IT+ e ganhou força com o cenário mundial atual. Assim, potencializamos a abrangência dessa ferramenta de capacitação, atuando em programas que abordam a construção estratégica de ida ao mercado internacional, de como estruturar uma operação de captação de investimentos, como trabalhar o soft landing, como valorar o negócio da empresa, além de assessoria de analistas e outros temas que são absolutamente essenciais para a correta tomada de decisão. Entendemos que este momento é ideal para preparar a empresa, como uma pré-temporada, para que, assim que o jogo recomeçar, estaremos prontos e treinados”, comenta Guilherme Amorim, gestor do Projeto na Softex.

Saiba mais sobre as ações internacionais do Projeto Barsil IT+ visitando https://softex.br/internacional/ps/