O lançamento ocorreu na live realizada na noite dessa terça-feira (13)

Assessoria de Imprensa Softex

Brasília, 14 de julho de 2021. Realizado pela Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAPDF) e executado pela Softex, o programa DF Inovador lançou ontem (13), pelo canal da Softex no Youtube, o edital de chamada para inscrição de empresas e instituições do Distrito Federal (DF) e da Região Integrada de Desenvolvimento do Distrito Federal e Entorno (RIDE) interessadas em desenvolver uma cultura de intraempreendedorismo em suas organizações.

Participaram da solenidade de abertura o coordenador de Tecnologia e Inovação da FAP-DF, Gilmar Marque; o subsecretário de Cidades Inteligentes da Secti-DF, Luciano Sousa; e o vice-presidente executivo da Softex, Diônes Lima.

Na oportunidade, foi realizado o Talk  intitulado “Por que sua empresa precisa começar a inovar hoje?” com prof. Ricardo Yogui, conselheiro e mentor de Inovação e Transformação Digital.

Para entender melhor sobre intraempreendedorismo e para assistir ao lançamento do edital clique aqui.  O edital já está disponível para consulta. Para acessá-lo clique aqui.

Sobre o DF Inovador

Com recursos da ordem de R$ 3,5 milhões e execução de 18 meses, a proposta do Programa DF Inovador é promover a inovação e a transformação digital de empresas e organizações da região, bem como desenvolver talentos conectados à nova economia digital. Ele também tem papel estratégico no esforço de transformar Brasília em uma Cidade Inteligente, iniciativa conduzida pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), com o apoio da FAP-DF e do SEBRAE-DF.

O Programa DF Inovador tem quatro eixos principais: intraempreendedorismo e inovação corporativa; inovação aberta com empresas conectadas ao ecossistema de Inovação; identificação de talentos para a economia digital e internacionalização.

A próxima etapa será a chamada de Inovação Aberta, a partir  do 1º trimestre de 2022, que promoverá a conexão das empresas ao ecossistema de inovação. A fase de capacitação em internacionalização acontecerá a partir do próximo ano, fechando todo o ciclo do Programa.