Indústria de TIC deverá crescer 8,6% no Brasil em 2024, projeta relatório da Softex para o MCTI, acima do PIB global

Segundo dados da segunda edição do “Relatório Indústria de Software e Serviços de TIC no Brasil: caracterização e trajetória recente”, publicação do Ministério da Ciência Tecnologia e Inovação (MCTI) desenvolvida pela equipe de pesquisadores do Observatório Softex, unidade de estudos e pesquisas da entidade, a indústria de TIC deverá registrar em 2024 uma expansão da ordem de 8,6%.

“Esse crescimento representa uma janela de oportunidade para as empresas brasileiras. Devemos aproveitar esse momento positivo para fortalecer ainda mais nossa posição no cenário internacional e contribuir assim para o desenvolvimento da economia do país”, destaca Ruben Delgado, presidente da Softex.

Em 2022, segundo o relatório, os gastos em TIC no Brasil atingiram US$ 75 bilhões, uma evolução de aproximadamente 0,7% em relação a 2021. Esse valor corresponde a pouco mais de 1,7% da atividade global e a cerca de 33% dos investimentos em TIC na América Latina, um desempenho que posiciona o Brasil como o 11º maior mercado mundial de TIC.

Outra constatação relevante do relatório foi de que em 2021 o Brasil cresceu sua participação no comércio internacional de serviços de TIC, movimentando mais de US$ 9,7 bilhões em exportações e importações, o que confere ao país o 26º lugar entre os players globais nesse setor.

Sobre as exportações do setor de serviços em TIC, o trabalho identificou um notável crescimento de 27,7% em 2021, alcançando um valor exportado de US$ 3,2 bilhões após dois anos de queda nas vendas para o exterior. Esse desempenho reforça que o Brasil vem conquistando nesse segmento um crescente reconhecimento no mercado global.

No período entre 2014 e 2021, o estudo identificou que as exportações do setor apresentaram um crescimento médio anual superior ao das importações (17,3% contra 9,5%), sinalizando que, apesar do histórico de déficit comercial, é possível projetar um cenário promissor para o comércio exterior brasileiro, com a balança comercial do setor TIC podendo se tornar superavitária em 2027.

O relatório do Observatório Softex se baseia em dados oficiais e de institutos de pesquisa com o objetivo de ampliar a discussão sobre o setor, criação de séries históricas, facilitando, inclusive, a realização de comparativos com outros mercados mundiais.

Para acessar gratuitamente a íntegra da segunda edição acesse https://softex.br/observatorio-softex/

Por Karen Kornilovicz

Agência Softex

plugins premium WordPress
Rolar para cima

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, aperfeiçoar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo.        

Gerenciar preferências de cookies

A maioria dos sites da Softex usa cookies. Cookies são pequenos arquivos de texto gravados no dispositivo para armazenar dados que serão usados posteriormente pelos servidores Web. A Softex e nossos parceiros usam cookies para lembrar suas preferências e configurações e analisar como os nossos sites estão funcionando. Para obter mais informações, consulte nosso guia de Política de Privacidade.

FuncionalAs informações coletadas por meio destes cookies são utilizadas para melhorar e personalizar a experiência do usuário, sendo que alguns cookies podem, por exemplo, ser utilizados para lembrar as preferências e escolhas do usuário, bem como para o oferecimento de conteúdo personalizado.

Google AnalyticsPermitimos que terceiros usem cookies de análise para entender como você usa nossos sites e como podemos melhorá-los. Isso também permite que terceiros possam desenvolver e aprimorar seus produtos, os quais podem ser usados em sites que não pertencem ou não são operados pela Softex. Por exemplo, eles são utilizados para coletar informações sobre as páginas que você visita e quantos cliques são necessários para realizar uma tarefa.

Mídias sociaisAssim como terceiros, usamos cookies de mídias sociais para mostrar anúncios e conteúdo com base nos perfis de redes sociais e na atividade em nossos sites. Eles são empregados para conectar sua atividade em nossos sites aos perfis de redes sociais para que os anúncios e o conteúdo visualizados em nossos sites e nas mídias sociais possam refletir melhor seus interesses.

Google AdwordsAssim como terceiros, usamos cookies de publicidade e marketing para mostrar novos anúncios após registrar os anúncios que você já viu. Eles também são utilizados para rastrear os anúncios nos quais você clica e mostrar anúncios mais relevantes para você. Por exemplo, eles são usados para detectar quando você clica em um anúncio e para mostrar anúncios com base em seus interesses nas mídias sociais e no histórico de navegação do site.

OutrosEventualmente, outros tipos de dados não previstos expressamente nesta Política de Privacidade poderão ser coletados, desde que sejam fornecidos com o consentimento do usuário, ou, ainda, que a coleta seja permitida com fundamento em outra base legal prevista em lei. Em qualquer caso, a coleta de dados e as atividades de tratamento dela decorrentes serão informadas aos usuários do site.