Pesquisar
Close this search box.

#MWC 2022: delegação brasileira visita Qualcomm, Nokia e Huawei no segundo dia do evento

Três gigantes do setor de Telecom – Qualcomm, Nokia e Huawei – receberam nesta terça-feira (28), segundo dia da Mobile World Congress 2022 (MWC), a delegação brasileira liderada pelo ministro da Ciência, Tecnologia e Inovações, Marcos Pontes.

Tendo entre seus seis temas principais CloudNet, Conexão 5G, Internet of Everything (IoE), Fintech, Tech Horizon e Advancing AI, o MWC Barcelona reúne nesta edição cerca de 1.500 expositores de 150 países. O evento voltou a ser presencial depois de dois anos de restrições em razão da pandemia de Covid-19.

Segundo projeção do relatório Economia Móvel 2022″ da GSMA, entidade que congrega as empresas de telecomunicação durante o MWC, o número total de conexões 5G realizadas em todo o mundo deverá atingir a marca de 1 bilhão até o final deste ano e alcançar 1,8 bi em 2025, o que representa um quinto das conexões globais.

O 5G entra em operação no Brasil este ano prometendo um grande salto tecnológico por sua velocidade e com reflexos profundos nas mais diversas áreas, tais como condução autônoma, robótica, nuvem pública, internet das coisas (IoT), Big Data e Analytics, realidade aumentada e virtual (AR/VR) e inteligência artificial.

Nesta terça-feira, em um encontro com a imprensa realizado no estande do Brasil no evento, a Softex e a Huawei comentaram as conclusões de um white paper conduzido em conjunto e que aborda os desafios que o país enfrentará a partir da entrada em operação dos serviços 5G em diversos setores, as competências nacionais, as necessárias atualizações da estrutura organizacional das empresas e as habilidades fundamentais para que o país possa surfar essa nova corrida tecnológica.

Também foram relacionados os achados do white paper sobre I.A., que trata do atual cenário e das tendências de uso de inteligência artificial no futuro tanto no Brasil como no mundo, arquiteturas e tecnologias-chave para suportar a IA no país e um panorama sobre a estratégia brasileira de desenvolvimento de inteligência artificial.

“Nosso objetivo foi contribuir com o país na leitura do futuro dessas tecnologias inovadoras que entendemos como fundamentais para o desenvolvimento e para transformação do Brasil em uma sociedade realmente digital e inteligente”, disse Ruben Delgado, presidente da Softex.

Além do ministro Marcos Pontes, a divulgação das conclusões dos dois documentos foi acompanhada por Paulo Alvim, secretário de Empreendedorismo e Inovação no Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações); Mr. Sunbaocheng, CEO da Huawei Brasil; Carlos Nazareth Motta Martins, reitor do Instituto Nacional de Telecomunicações (Inatel); Wally Menezes, reitor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE) e André Pepitone, presidente da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), entre outras autoridades.

O MWC Barcelona prossegue até a próxima quinta-feira, dia 3 de março.

Ministro Marcos Pontes e Ruben Delgado, presidente da Softex, atendem a imprensa no estande Brasil IT+ no MWC 2022

 

plugins premium WordPress
Rolar para cima