Vem aí a 2ª edição do Programa Conecta Startup Brasil

Por Karen Kornilovicz, repórter Softex

O programa Conecta Startup Brasil, uma ação gratuita de pré-aceleração de startups em estágio inicial e realizada em conjunto pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações, a Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), a Softex e o parceiro executor, o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), vai ganhar uma segunda edição.

O anúncio foi realizado hoje (23), durante o Softex Experience, em Brasília, em solenidade que contou com as participações do Ministro da Ciência Tecnologia e Inovações, Paulo Alvim; Bruno Jorge, gerente da Unidade de Difusão de Tecnologia da ABDI; e Ruben Delgado e Diônes Lima, respectivamente presidente e vice-presidente executivo da Softex.

Esta edição, que contará com R$ 4 milhões em recursos para fomento sem comprometimento de participação societária (equity free), está dividida em três fases de inscrições. A primeira, é a chamada para a seleção de 27 embaixadores, que terão o papel de multiplicadores de inovação e serão contratados para a fase de mobilização e divulgação de equipes empreendedoras e startups. Na sequência, serão selecionadas 50 empresas interessadas em cadastrar desafios tecnológicos próprios e praticar inovação aberta com acompanhamento e mentorias do Programa. Por fim, um edital abrirá inscrições para a seleção de 100 equipes empreendedoras ou startups – 20 de cada região do país – que receberão R$ 90 mil em recursos não reembolsáveis do Programa para apoiar o desenvolvimento de seus projetos ao longo de dez meses, em possível parceria com uma grande empresa.

“A cada programa que idealizamos, temos sempre o compromisso de melhorar o impulsionamento do ecossistema de inovação. A grande novidade para esta 2ª edição será a remuneração dos embaixadores, cada um receberá R$ 5 mil para ser um multiplicador de inovação. Nosso objetivo é seguir ampliando o escopo de fomento e contribuir para o crescimento da adoção de novas tecnologias na indústria brasileira”, ressalta Igor Calvet, presidente da ABDI.

Lançado em 2019, o Programa Conecta Startup Brasil tem o objetivo de fomentar o empreendedorismo, estimular a inovação aberta no Brasil e desenvolver ações coordenadas para o aumento da densidade de startups brasileiras preparadas para os desafios do mercado, tendo como principais objetivos promover desenvolvimento econômico e gerar novos negócios inovadores no país.

Em sua primeira edição, ao longo de seus 18 meses de execução, o Conecta Startup Brasil capacitou mais de 600 empreendedores, conectando-os a 237 desafios tecnológicos de 50 empresas selecionadas em 23 áreas temáticas. Foram mais de 370 horas de mentoria e 36 mil pessoas impactadas.

“O Conecta Startup Brasil se destaca frente a outras iniciativas por focar em startups em estágio inicial de todas as regiões do país. Seu propósito é fortalecer o ecossistema de inovação brasileiro em uma ação integrada por meio da realização de conexões para solucionar demandas reais do mercado”, destaca Ruben Delgado, presidente da Softex.

As inscrições para a seleção dos 27 embaixadores do Conecta Startup Brasil será divulgada nos próximos dias nas redes oficiais do Programa.

Para mais informações, visite https://conectastartupbrasil.org.br/