Em mais uma ação do Brasil IT+, iniciativa de cooperação desenvolvida pela Softex e pela Apex-Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos), seis empresas de renome no mercado nacional de tecnologia apresentam suas soluções no estande exclusivo do Brasil no Mobile World Congress 2022 (MWC) em busca de oportunidades de negócios, conexões e parcerias. São elas: Argotechno, AnnA Comunicações, Sikur, Pulsus, MC1 e Rocket.chat

O ministro da Ciência, Tecnologia e Inovações, Marcos Pontes, visitou o espaço e pode conhecer cada uma delas nesta segunda-feira (28), primeiro dia do evento, na companhia de Ruben Delgado, presidente da Softex, e de representantes do Ministério das Comunicações, do Ministério da Educação, da Associação Brasileira das Prestadoras de Serviços de Telecomunicações Competitivas (TelComp), da Agência Nacional de Telecomunicações (ANATEL), da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) e da Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD), além de deputados federais e senadores.

“O MWC projetará para o mundo a proposta de valor das soluções desenvolvidas no Brasil e que estão totalmente aderentes aos temas principais do evento. A pandemia deixou clara não apenas a importância do setor de tecnologia em todos os setores da economia, mas que o mundo deve aprender a se relacionar de forma diferente combinando tecnologia em um novo contexto de negócios”, analisa Ruben Delgado.

Para Vinícius Boemeke, CEO da Pulsus, participar do MWC comprova que estratégia traçada para o crescimento da empresa está alinhada ao desenvolvimento global do mercado. A Pulsus vem crescendo exponencialmente nos últimos seis anos e estar no maior evento de mobilidade do mundo, acompanhando as principais tendências e lançamentos do setor, reforça nossa estratégia agressiva de crescimento e expansão, sem contar os insights para trazer cada vez mais inovação para nossos clientes”, destaca.

O MWC Barcelona prossegue até a próxima quinta-feira, dia 3 de março, reunindo nesta edição presencial cerca de 1.500 expositores de 150 países.

Ruben Delgado, presidente da Softex, ministro Marcos Pontes e Diônes Lima, vice-presidente executivo da Softex

Delegação brasileira em visita ao Mobile World Congress 2022, em Barcelona

Com a presença do ministro da Ciência, Tecnologia e Inovações, Marcos Pontes, os principais representantes do setor de Telecomunicações do Brasil se reuniram na manhã de hoje,  em Barcelona, como parte da programação da delegação brasileira no Mobile World Congress 2022 (MWC), o evento mais influente do mundo para a indústria de conectividade. A MWC 2022 teve início nessa segunda-feira (28) e prosseguirá até o dia 3 de março, quinta-feira.

Participaram do encontro, aberto pelo deputado Aliel Machado, representantes do Ministério das Comunicações, do Ministério da Educação, da Softex, da Associação Brasileira das Prestadoras de Serviços de Telecomunicações Competitivas (TelComp), da Agência Nacional de Telecomunicações (ANATEL), da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), da Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD).

Para o período da tarde, a programação da delegação incluiu uma visita aos estandes da Ericson  e ao pavilhão Brasil IT+, organizado pela pela Softex em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).

“Os setores de TI e Telecom são estratégicos para alavancar o crescimento do país e nossa presença em um evento desta relevância é fundamental para o mapeamento de oportunidades de negócios, bem como das principais tendências do mercado mundial, além de contribuir para fortalecer a presença de nossas companhias no mercado global”, destaca Ruben Delgado, presidente da Softex.

Confira algumas imagens da reunião:

Prosseguem até o dia 9 de março as inscrições para o segundo Edital do Agro 4.0 lançado pela Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), em parceria com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).

O novo concurso selecionará oito projetos-pilotos de Ambientes de Inovação, nas cinco regiões do país, que irão receber, ao todo, R$ 1,5 milhão para disseminar práticas de adoção e difusão de tecnologias 4.0 para o agronegócio.

O primeiro Edital do Agro 4.0, lançado em 2020, selecionou entre 100 propostas de todo o Brasil 14 projetos-pilotos de adoção e difusão de tecnologias 4.0 no campo. As aplicações das tecnologias renderam importantes resultados para a agropecuária. Entre eles, redução de 70% no uso de herbicidas; potencial de redução em 20% da quantidade de água para irrigação e de 30% no custo de energia elétrica; redução de até 25% na emissão de poluentes na pecuária e redução de 50% no uso de inseticida químico.

Confira aqui todos os detalhes.

A Softex apoia a realização de dois importantes eventos do ecossistema de inovação.

O primeiro é o Startup Olé, que promoverá a 4ª edição de seu roadshow virtual no dia 25 de março. Sua proposta é conectar o Brasil com empresas, investidores, aceleradoras, governos e meios de comunicação europeus, abrindo uma porta exclusiva à Europa e ao mercado internacional.

A programação inclui mesas-redondas, concurso de pitch, desafio e criação de redes. As inscrições vão até o dia 4 de março. Clique aqui para mais informações.

Em formato híbido, a edição brasileira do South Summit, maior feira de inovação do Sul da Europa, será realizada nos dias 4, 5 e 6 de maio na cidade de Porto Alegre, com oportunidades para startups interessadas em apresentar seus projetos perante um júri de investidores e potenciais clientes. Para inscrever sua startup na competição de pitches clique aqui.

O Programa DF Inovador, realizado pela Fundação de Apoio à Pesquisa do Distrito Federal (FAPDF) e executado pela Softex, anuncia o lançamento do edital de chamada de Inovação Aberta para inscrição de startups, empresas e órgãos governamentais interessados em desenvolver de soluções em 15 verticais de atuação. São elas: Agronegócio, Educação, Saúde, Mobilidade, Serviços Financeiros, Varejo, Indústria 4.0, Inteligência na administração pública, Impacto Social, Energia, Sustentabilidade, Turismo e Transformação Digital.

Nesta nova etapa, dez grupos de trabalho serão selecionados e as startups de cada grupo receberão R$ 50 mil de fomento não reembolsável cada uma para realizar a validação de seu MVP (Minimum Viable Product) ou Produto Mínimo Viável, na resolução de desafios do setor produtivo e da administração pública. Cada empresa ou órgão público poderá se inscrever com desafios diferentes em até dois grupos de trabalho, e as startups em apenas um.

A etapa de pré-inscrição e matchmaking, que será utilizada para promover as conexões entre as organizações demandantes de desafios e as startups locais, acontece entre os dias 17 de fevereiro e 25 de março, contando com um calendário de eventos de rodadas de matchmaking. As inscrições dos grupos de trabalho no Edital de Inovação Aberta acontecem do dia 14 de março até 1° de abril.

A proposta do Programa DF Inovador é promover a inovação e a transformação digital de empresas e organizações do Distrito Federal e da Região Integrada de Desenvolvimento do Distrito Federal e Entorno (RIDE), bem como desenvolver talentos conectados à nova economia digital. Sua realização conta com o apoio de diversos parceiros, como a Federação das Indústrias do Distrito Federal (FIBRA), a Câmara de Dirigentes Lojistas do DF (CDL-DF), o Sebrae-DF e a Fundação Assis Chateaubriand.

Para informações sobre o edital de chamada de Inovação Aberta do DF Inovador acesse https://dfinovador.org.br/inovacaoaberta

 

Nesta terça-feira, dia 22 de fevereiro, a partir das 11h00, a Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) realizará um webinar para apresentar e também tirar todas as dúvidas sobre o edital ABDI Labs, lançado com o objetivo de estimular a aplicação em casos práticos de soluções 4.0.

Os dez projetos-pilotos a serem selecionados precisam apresentar um roteiro de implementação em ambientes de demonstração para testar e acelerar o processo de adoção de tecnologias da indústria 4.0. Cada um deles receberá um aporte de R$ 200.000,00 para o seu desenvolvimento.

Para participar do webinar, acesse: https://bit.ly/3rOk0cX